Logo Portal O POVO Online

Esportes

  • Ceará
  • Fortaleza
  • Ferroviário
  • Grêmio
  • Internacional
  • Flamengo
  • Vasco
  • Botafogo
  • Fluminense
  • Corinthians
  • São Paulo
  • Santos
  • Palmeiras
  • Cruzeiro
  • Atlético-MG
rss

Ceará Ceará

Especiais

Receba as notícias

RSS

13/03/2017 - 13h31

Presidente do Ceará explica negociação com Éverton: "ficou uma situação muito desconfortável para o jogador"

Mateus Dantas

Depois de um fim de semana de reviravolta na negociação envolvendo o meia Éverton, o presidente do Ceará, Robinson de Castro, esclareceu os fatos. Ele confirmou um acordo verbal com o jogador, admitiu que a pressão da torcida fez o atleta mudar de ideia e se recusou a comentar sobre outras contratações. As declarações foram dadas em participação no programa Trem Bala, da Rádio O POVO/CBN.

"Na verdade, o jogador nos foi oferecido varias vezes. Conversando com o Givanildo ele pensou e achou que poderíamos trazer o atleta. Fizemos uma proposta, que foi aceita e houve uma reação muito grande por parte da torcida. O jogador pediu pra ser liberado porque ficou numa situação muito desconfortável pra ele", afirmou o mandatário alvinegro.

De acordo com Robinson, o meia não teve "a firmeza de que conseguiria vestir a camisa de um rival" frente às manifestações por parte dos torcedores. O dirigente ainda ressaltou que considera normal atletas que atuam em dois clubes com grande rivalidade, mas ponderou que o histórico de Éverton, com algumas provocações, gerou uma reação tão adversa.

O presidente do Vovô também apontou que não fosse a recepção negativa da notícia, o atleta não teria desistido do acordo. "O pessoal joga no time que paga. Ele mesmo declarou isso em alguns áudios. O que acontece é que o jogador tem de vestir a camisa e desempenhar seu papel dentro de campo".

Questionado sobre quem serão os próximos reforços a serem anunciados, Robinson disse que só vai se pronunciar quando estiver com o contrato assinado e reafirmou que tem conversado com o técnico Givanildo Oliveira para definir os nomes.

Compartilhar
Espaço do Leitor As informações são de responsabilidade do autor:
Régis Brasileiro 14/03/2017 16:05
Enquanto a torcida de lá estiver apenas focada em querer ser melhor que a alvinegra não sairá do atoleiro. Vejam que o foco único para eles é ser melhor aqui, por isso falta moral pra voos mais altos, como série b e nordestão.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Régis Brasileiro 14/03/2017 16:04
Enquanto a torcida de lá estiver apenas focada em querer ser melhor que a alvinegra não sairá do atoleiro. Vejam que o foco único para eles é ser melhor aqui, por isso falta moral pra voos mais altos, como série b e nordestão.
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Felipe CSC 13/03/2017 21:20
Rasteira? Você leu a matéria amigo? Tem muito torcedor alienado no mundo, Deus meu! A própria torcida o rejeitou!
Este comentário é inapropriado?Denuncie
Felipe CSC 13/03/2017 21:19
Fortaleza tá igual casa da mãe Joana, primeiro traz de volta um técnico que abandonou na véspera do mata-mata (ou morre-morre), e agora traz um jogador que só não foi pro rival porque a torcida do próprio rival o rejeitou. É muita sem vergonhice ainda ir atrás de um jogador desse, né não? rs
Este comentário é inapropriado?Denuncie
MANECO 13/03/2017 17:05
AIDA TO COM PENA DO VOZÃO....KKKKKKK Ô RASTEIRA GRANDE QUE O VEI LEVOU!!!!! KKKKKKKKKKKKKKKKK
Este comentário é inapropriado?Denuncie
5
Comentários Nome Cidade Escreva seu comentário 300
o povo
anônimo
twitter
facebook
  • Em Breve

    Ofertas incríveis para você

    Aguarde

Vídeos

VÍDEO: assista aos gols de Ferroviário 10x0 Campo Grande pela Série B Cearense